Translate

segunda-feira, 27 de julho de 2015



O abismo que existe entre o sorriso e a lagrima
É tão tênue quanto à seda que cobre teu corpo.
A luz que não me deixa ver e por vezes cega,
Chega me confundir com teu brilho,
Embora não ilumine meu caminho esta noite.
Ainda assim, minha mente passeia,
Nos mistérios da escuridão.


Pablo Danielli

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pesquisar este blog