Translate

quarta-feira, 13 de julho de 2016

(Nem tudo)

Nem tudo que falo é verdade,
Mas nem tudo que sinto é mentira!
Nem tudo que vejo é belo,
E nem tudo que ignoro é cinza!
Nem tudo que ouço é doce... 
E nem tudo que passa é atoa.
Certas coisas deixam um pedaço,
Certos momentos deixam um rastro...
Um caminho.
Para quando olhar para trás perceber,
Que existe sentimento...
Mesmo quando se parece estar,
Sozinho.

Pablo Danielli

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pesquisar este blog