Translate

sexta-feira, 10 de março de 2017



[Ilusão]

Quantas verdades são necessárias,
Para construir uma mentira?
Quantas manchetes, 
Para te fazer refém? 
Falsas escolhas,
Diferentes ilusões...
Verdades feitas para atacar.
Presos de discursos,
Causas que servem
Apenas para interesses.
A falsa duvida...
Travestida de bondade.
Bonecos manipuláveis
Vestidos pela razão,
Um discurso de confetes...
Que não enche o prato de feijão.
Os novos (Reis?), agora...
Usam cargos políticos e manipulação.
Justiça seja feita?
Só pra quem tem o bolso cheio,
Pra servir de “inspiração”...
(Falta culhão ao cidadão!)
Pensar sem rédeas,
Faz gastar a sola do sapato.
Em um lugar aonde todos vivem cercados,
A morte é sempre certa...
Com ou sem escravidão.
Rei morto, rei posto...
Mudam-se os nomes
Continuam os luxos e os desejos,
Ao povo, migalhas...
Ilusão.


Pablo Danielli

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pesquisar este blog