terça-feira, 3 de julho de 2018

Passar adiante

Com o passar do tempo, algumas formas de se portar e falar acabam por fazer parte da nossa cultura.
São jargões populares, frases de novelas ou até uma propaganda que faça sucesso. As pessoas em sua grande maioria são altamente influenciáveis, pois não possuem o discernimento necessário para analisar o que é de fato qualidade e o que é empurrado "guela" a baixo, é a tal da cultura de passar adiante.

(O descartável no Brasil nem sempre pode ser considerado reciclável).

Infelizmente nossos governantes também aderiram a essa pitoresca forma de "solucionar" problemas por eles mesmos criados.
Seja ele qual for, saúde, educação, segurança,são mais e mais demonstrações de que uma boa desculpa, tem peso maior que uma boa solução.
É mais fácil privatizar estradas do que prestar conta dos impostos, muito mais tranquilo deixar escolas particulares tomarem conta do mercado do que investir em escolas publicas, convém muito mais avisar o bandido que se esta chegando, do que enfrenta-lo e prende-lo, mas não podemos esquecer que nossas prisões também estão sendo privatizadas, mais uma pequena amostra de que o dinheiro recolhido de forma brutal esta sendo mal utilizado.
Politico no país é praticamente uma figura folclórica, o "honesto"! exemplar raro??
Fazemos piadas deles nos bares, nas televisões e rádios, e eles riem da nossa cara ao difundirem jargões como "rouba, mas faz!".
Nossa cultura politica esta quebrada, a imagem está trincada, não ha fé o suficiente para mudar. E como é de costume ao procurar culpados, nos deparamos mais uma vez com o nosso passa adiante, passamos a culpa para a mídia que não mostra a verdade, para a policia que não prende (ou para o papa que não esconjura)!??
Passamos nossa culpa como cidadão, como pessoas que poderiam mudar as escolhas, para termos as "mão limpas". Se não é no meu jardim por que regar a flor do vizinho? Temos uma cultura individualista, diriam uns que a culpa é do capitalismo, outros diriam que é da esquerda hoje não mais tão socialista e os mais radicais culpariam a mida que escraviza.
Nestas terras tão distantes de soluções, só não se passa adiante os bens materiais, a bondade, a vontade de mudar.
Melhor é rir de frases prontas, rimas primitivas e ofensas a terceiros, que se tornam indigestas quando nos atingem.
Muito mais comodo não se importar e aos poucos, lentamente ver tudo ser consumido pela má administração publica.
Estamos acostumados a vender o que temos de melhor, certa época foi a madeira, em outras joias e ouro, hoje parece que o mundo já aceita mesmo com um pouco de desdem nossa passividade e ignorância.
Mas talvez este e apenas este, devêssemos deixar em casa e não tentar passar adiante.



A diante são os sonhos
Diante de nós os problemas,
Antes,apenas as reclamações.
Temos os motivos
Talvez as soluções,
Só nós falta a vontade!
Desejos além da acomodação.
Só se muda dando passos
Além do nosso quintal,
Estão a rua e o mundo!
Feito de odores e fé matinal.


Pablo Danielli

Nenhum comentário:

Postar um comentário

[Destempero]  Para o homem...  Os sapatos, são mais importantes que os pés.  Os anéis, mais necessários que os dedos. ...