quarta-feira, 19 de agosto de 2015

Uma salva de palmas
Para o livro que geme,
O que fala e o que viaja,
O livro que te faz sonhar!
Sorte da pessoa e do ser
Que se deixar, por ele encontrar,
Iluminar por suas paginas.
Preencher sua mente
Com palavras, sabedoria!
Deixar de ser mais um na multidão
Para poder viver, mesmo que por instantes,
No mundo da imaginação.

Pablo Danielli

Nenhum comentário:

Postar um comentário

“A cadela do fascismo está sempre no cio”. Mas é a cadela do comunismo que está sempre prenha! E volta e meia deixa filhotes em forma de ...